Microscópio Nikon

2 Produto(s)

por página

Tabela  Lista 

Direção Descendente

2 Produto(s)

por página

Tabela  Lista 

Direção Descendente

Microscópio Nikon: história e seu papel na inovação óptica

Todo mundo conhece ou, pelo menos já ouviu falar da Nikon e seus microscópios. Sua fama não é para menos, se trata de uma das especialistas no desenvolvimento de produtos óticos. A empresa é considerada uma das melhores marcas no âmbito ótico e fotográfico. Se você deseja saber mais sobre a história dessa grande marca, acompanhe a leitura. Há aproximadamente 100 anos, surgia a Nikon. A empresa, que anteriormente era chamada de Nippon Kogahu Kōgyō Kabushikigaisha, foi formada pela junção das três maiores empresas óticas do Japão.

Nessa época, muitos estudiosos se empenhavam em produzir novos produtos de precisão óptica. Em 1918, se deu início a produção dos famosos binóculos e após sete anos a empresa se destinou à fabricação dos microscópios. Com a Segunda Guerra Mundial, se tornou a fornecedora principal de aparatos ópticos para o exército japonês e após a guerra retomou as atividades no âmbito civil. Em 1946, após o lançamento de uma linha de câmeras portáteis, o nome da companhia se evidenciou como Nikon. Entretanto, a primeira câmera com esse nome foi lançada somente em 1947, denominada Nikon I. A marca se tornou conhecida no continente americano após reportagens em jornais conceituados que demonstravam a superioridade de suas câmeras.

Em 1959 foi divulgada no mercado a primeira câmera da companhia que permitia realizar o foco através da objetiva. A marca não parou por aí, diversos outros aparelhos foram introduzidos, como câmeras subaquáticas, compactas e de foco automático. Em 1983, a companhia lançou a primeira câmera compacta com focagem automática e somente em 1992, foi lançada a primeira câmera com foco automático e à prova d’água. Dessa década em diante, muitas inovações ocorreram e a companhia foi considerada a marca preferida dos profissionais. A empresa é até hoje reconhecida pela qualidade de suas lentes e de seus produtos em geral.

Nikon e os microscópios

Enquanto a empresa avançava na área da fotografia, o desenvolvimento dos microscópios caminhavam na mesma direção. Em 1925 a empresa produziu o seu primeiro microscópio e ao longo dos anos, diversos foram introduzidos no mercado. Esses aparelhos ficaram mundialmente famosos em 1978 e 1980, com os primeiros bebês de proveta, que foram fertilizados através de um microscópio Nikon. Com as evoluções tecnológicas provenientes dos anos 90, a possibilidade de imagens digitais para a microscopia se tornaram viáveis. Nesse contexto, a empresa liderou o mercado fornecendo praticidade e imagens de alta qualidade até para os consumidores mais exigentes. A marca tem evoluído até os dias atuais e é considerada uma empresa renomada mundialmente e líder na área de instrumentação óptica.

Os microscópios da Nikon mais utilizados no Brasil

Dentre os microscópios disponíveis da marca, os mais utilizados no país são o E100 e o E200. Veja abaixo a descrição de cada um.

1. Eclipse E100

Sua iluminação é feita através de LED de alta intensidade e possui ótica infinita corrigida. O equipamento promete obter imagens nítidas com a mínima distorção. Possui contraste de fase disponível e, segundo a marca, é perfeito para o âmbito educacional e de pesquisas.

2. Eclipse E200

O aparelho apresenta um sistema de redução de fadiga causada pelo uso por longos períodos. O equipamento oferece alta qualidade e precisão, além da durabilidade. É indicado para utilização na área de pesquisa, no campo clínico e educacional. Dentre tantos benefícios em optar por um equipamento da Nikon, o melhor deles é ter a certeza da aquisição de um produto com excelência e garantia de qualidade.